Teste do bafômetro será realizado sem a necessidade de se soprar

Por

A Polícia Rodoviária Federal no Sul Fluminense confirmou que haverá mudanças nas formas de fiscalização pessoal de motoristas, durante o período de combate ao novo coronavírus.  “Seguindo as diretrizes de combate ao Covid-19, a orientação é para restringir o contato com o usuário ao estritamente necessário.

Desta forma, será priorizada a utilização dos aparelhos de teste passivo, ou seja, o teste é realizado sem a necessidade de se soprar, sendo detectada a presença de álcool apenas com a aproximação do etilômetro”, diz a PRF.

Caso o resultado seja positivo, será o realizado o teste realizando o sopro no aparelho. Não há risco para o examinado, já q os bocais são individuais, descartáveis, ficam em embalagens plásticas lacradas, sendo retirados apenas no momento do teste e são descartados no lixo imediatamente após a realização do teste. “Para o policial que realizará o teste, serão disponibilizados álcool em gel, máscara e luvas. Sendo realizado em frente o posto PRF, também há a possibilidade de higienização das mãos com água e sabão. Após realizar os testes, além de efetuar a higienização das mãos, o agente efetuará a higienização do aparelho”.

Você pode gostar