Prefeito secretários e vereadores de VG se aglomeram em pescaria

Por

O prefeito Kalil Baracat, dois secretários, servidores e dois vereadores de VG saem para pescaria em plena pandemia. Várzea Grande está com a saúde colapsada, a Upa do Ipase e o Pronto-Socorro estão lotados, pessoas morrendo por falta de leitos disponíveis, mas isso não impediu a maior autoridade da cidade, prefeito Kalil Baracat (MDB), de ir “pescar” com “amigos”.

Denúncia recebida pelo VGN aponta que o prefeito Kalil Baracat, dois de seus secretários: Breno Gomes (Serviços Públicos e Mobilidade Urbana) e Ricardo Azevedo Araújo (Desenvolvimento Econômico), e os vereadores Pablo Pereira (DEM) e Jero Neto (MDB), em pleno horário de expediente abandonaram seus postos e foram para a Fazenda São José do Piquiri, do ex-governador Júlio Campos (DEM), localizada no Pantanal de Mato Grosso do Sul. Ainda segundo a denúncia, 18 pessoas foram participar desta pescaria, entre eles, outros servidores da Prefeitura.  “Alguns foram de carro e outros de avião”, revelou uma fonte do #vgn.

A reportagem do VGN entrou em contato com todos os envolvidos na pescaria, e todos os celulares estavam fora de área, inclusive do prefeito. Porém, a reportagem mandou mensagem pelo WhatsApp, Kalil visualizou e não respondeu. O VGN também conversou com alguns vereadores e pessoas próximas a Breno e Jero Neto, que confirmaram a pescaria, alguns deles, chegaram a receber o convite, mas não foram.

Nos textos divulgados no portal oficial do município, o prefeito sempre cobra da população que não se aglomere, que fique em casa, bem como enfatiza que para combater o vírus é preciso da colaboração de todos. Contudo, suas falas não são seus atos.

“Não é só um mau exemplo dado, é uma falta de respeito com todos os várzea-grandenses, principalmente, aqueles que perderam um ente querido para a covid-19. Precisamos de um gestor, e não temos” diz denúncia.

Vale destacar, que esta não é a primeira vez que gestores do município desrespeitam decretos do Governo de Mato Grosso e do próprio município. No ano passado, na primeira onda da Covid-19, Breno e Jero Neto foram flagrados pelo VGN em uma festa, enquanto a população se via obrigada a ficar em casa por conta das medidas impostas nos decretos. Confira vídeo e matéria relacionada.

 Fonte: VGN

 

Você pode gostar