Polícia Civil prende PM foragido da justiça por duplo homicídio ocorrido há 17 anos

Por

Equipes da Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol) da Polícia Civil localizaram um policial militar que estava foragido da Justiça e foi condenado a 23 anos de reclusão em regime fechado por um duplo homicídio ocorrido na Capital há 17 anos.

O homem de 43 anos, que está na reserva remunerada, estava com mandado de prisão definitiva expedido pela 1a Vara Criminal de Cuiabá. Ele foi localizado e preso em uma rua no bairro Tijucal, no final da tarde desta quarta-feira (03.02).

O militar foi condenado após decisão do Tribunal do Júri em que foi julgado pela execução de um casal ocorrida em março de 2003, no bairro Pedra 90. Pelos crimes ele foi condenado a 23 anos e quatro meses de reclusão.

Além do duplo homicídio, ele também é acusado de liderar uma quadrilha que atuava em roubos e extorsões praticados também na região do Pedra 90. Contra ele há indiciamentos por crimes contra o patrimônio e contra a vida, notadamente homicídios tentados e consumados.

Após a prisão, ele foi apresentado na sede da Polinter para a formalização da ordem judicial e depois encaminhado à audiência de custódia e exame de corpo de delito. Posteriormente, foi enviado a uma unidade prisional onde deverá permanecer preso à disposição do Poder Judiciário.

Você pode gostar