Polícia Civil prende gerente de facção em Rondonópolis

Por

Grande quantidade de entorpecentes, materiais relacionados ao tráfico e a facção criminosa e mais de R$ 8 mil em dinheiro foram apreendidos pela Polícia Civil, na tarde de terça-feira (20.04), em mais uma investigação de combate ao tráfico de drogas, realizada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá).

A ação desencadeada para cumprimento de mandado de busca e apreensão domiciliar em uma residência no bairro Serra Dourada resultou na prisão em flagrante de duas pessoas pelos crimes de tráfico de drogas e associação criminosa.

A ordem judicial foi decretada após as investigações da Derf Rondonópolis identificaram um homem que atuava como gerente de uma facção criminosa que atuava com o abastecimento de pontos de venda de drogas no bairros Serra Dourada, Jardim Liberdade, Jardim Nova Era, Edinalva Muniz, Marechal Rondon e Jardim São Bento.

Durante monitoramento  do suspeito foi possível confirmar o envolvimento dele com o comércio ilícito, sendo utilizadas duas motocicletas para realizar a entrega dos entorpecentes. Diante do apurado, foi representado pelo mandado de busca e apreensão domiciliar no endereço do investigado, o qual foi cumprido na terça-feira (20).

Nas buscas, os policiais encontraram no quarto do investigado diversas porções de droga, entre cocaína pura, pasta base de cocaína e maconha, três balanças de precisão, e apetrechos utilizados para preparo e embalo do entorpecente. Escondido dentro de uma luva de boxe, estava uma arma de fogo calibre 38 com numeração suprimida.

Ainda no quarto, foi apreendido dentro do guarda-roupas um rolo grande e embalagens de adesivos da associação criminosa, utilizados para identificar veículos e estabelecimentos comerciais que colaboram com a facção e que não devem ser roubados/furtados, além de R$ 8.640 em dinheiro trocado característico da atividade de tráfico.

No quarto de outro suspeito foram apreendidas embalagens com resquícios de entorpecentes. Diante das evidências, todo material encontrado na casa foi apreendido e os suspeitos conduzidos à Derf, onde após serem interrogados foi lavrado o flagrante.

Você pode gostar