Homem é acusado de estuprar garota de programa que se negou a praticar sexo sem preservativo

Por

Um homem de 22 anos foi acusado de estuprar uma garota de programa que se negou a praticar sexo sem preservativo. A vítima, que tem 20 anos, registrou boletim de ocorrência na noite desta terça-feira (07).

O fato aconteceu na cidade de Pontal do Araguaia (520 km de Cuiabá).

Segundo a Polícia Civil, a garota de programa foi contratada pelo homem de 22 anos, pela quantia de R$ 400, para pernoitar na casa do suspeito. Inicialmente, ambos tiveram relação sexual consentida.
Porém, por volta das 04h00, o suspeito tentou praticar sexo com ela sem o uso de preservativo. De acordo com a vítima, mesmo ela se recusando, o suspeito a forçou, e consumou o ato sexual.

Na sequência, ela foi colocada para fora da casa aos gritos e ameaças pelo suspeito.

Você pode gostar