Criminoso de alta periculosidade é preso por violência doméstica

Por

Um criminoso de alta periculosidade, suspeito de lesão corporal e ameaça contra a companheira, foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na manhã desta sexta-feira (21.08), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá). O suspeito, apontado como integrante de facção criminosa, saiu do presídio no mês de fevereiro deste ano e foi novamente preso, desta vez em flagrante por violência doméstica.

As agressões iniciaram na noite de quinta-feira (20.08), quando em um desentendimento entre o casal, o suspeito começou a xingar a vítima, além de jogar pedras e pedaços de tijolo contra ela. Durante os arremessos, o agressor conseguiu atingir a vítima causando-lhe um ferimento na perna.

Na manhã desta sexta-feira (21), o suspeito tornou a xingar a vítima e passou a agredí-la com um cabo de vassoura. Durante as agressões, ele ameaçava a companheira e seus filhos de morte. O suspeito ainda trancou a porta da casas para que a vítima não saísse, quando ela conseguiu acionar a Polícia.

Assim que tomou conhecimento dos fatos, a equipe da DEDM foi até a residência da vítima, onde conseguiu localizar o suspeito ainda dentro da casa. Ele foi preso em flagrante pelos crimes de lesão corporal e ameaça no âmbito da Lei Maria da Penha.

Em checagem no sistema, foi constatado que o homem possui várias passagens criminais em diferentes cidades do estado e já ficou recluso nas unidades prisionais de Alta Floresta, Primavera do Leste, Chapada dos Guimarães e na Penitenciária Major Elso Sá Corrêa, em Rondonópolis, onde estava no raio 3, destinados a criminosos envolvidos em crimes de roubos e latrocínios.

No período que estava em liberdade, o suspeito retomou sua atuação com atividades ilícitas, praticando golpes através de sites da internet para levantar dinheiro.

Você pode gostar